Arte urbana. ISCAP identifica rotas turísticas no norte

0
195

Há cada vez mais arte urbana em Portugal, e o Centro de Estudos Interculturais do ISCAP está a traçar rotas de percursos culturais alternativos pelo norte do país.

Só na região mais a norte de Portugal, são já cerca de 1200 as obras de street art. Os dados são de um estudo do Centro de Estudos Interculturais (CEI) do ISCAP que, com base nas vias de acesso, transporte e infraestruturas urbanas, já traçou cinco grandes rotas de percursos culturais alternativos viáveis no Porto e Vila do Conde.

Neste mapa constam artistas como Vhils, Hazul, Mr. Dheo ou Third, e o grande objetivo do projeto StreetArtCEI é democratizar o acesso a esta forma de expressão e captar turistas para a descoberta das principais artérias turísticas da região norte onde se encontrem manifestações artísticas.

A segunda fase do projeto vai identificar mais rotas – abrangendo não só a área metropolitana do Porto como também Braga, Aveiro e Ovar, com ligação a rotas semelhantes no Sul, nomeadamente na Grande Lisboa –, organização de visitas guiadas e a criação de uma app.

O StreetArtCEI é uma spin-off do projeto TheRoute – Tourism and Heritage Routes including Ambient Intelligence with Visitants’ Profile Adaptation and Context Awareness, liderado pelo Instituto Politécnico do Porto.

Sabe mais no site oficial da iniciativa.

[Foto: Divulgação]

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here