Estudantes de mestrado desenvolvem tecnologia com impacto mundial

0
39
Estudantes de mestrado desenvolvem tecnologia com impacto mundial

Os projetos estão a ser desenvolvidos no Fraunhofer Portugal Research Center for Assistive Information and Communication Solutions (FhP-AICOS) e os futuros mestres desenvolveram projetos tecnológicos ligados à manobragem de drones e ao aumento da qualidade de vida de idosos.

É um grupo de cerca de 14 alunos de tecnologia, que direcionou as suas teses de mestrado com o objetivo Investigação de Utilidade Prática, mote base da associação Fraunhofer Portugal. Ao fazer parte deste projeto, tiveram a possibilidade de ganhar experiência profissional e criar produtos com uma aplicação útil.

O primeiro destaque foi para o CMosquitoII, um pequeno VANT (Veículo Aéreo Não Tripulado), comummente conhecido como drone, desenhado para os ambientes indoor.

Operar e planear o voo de um drone num destes espaços é difícil pois este não tem acesso a sistemas como o GPS. O CMosquitoII utiliza comandos simples, de forma a não serem precisos conhecimentos avançados para trabalhar com ele.
Este projeto é dirijo à área do retalho, mas a tecnologia pode ser aplicada em operações de busca e salvamento ou no mapeamento de edifícios, por exemplo.

O segundo projeto tem o nome KneeRecovery e foi projetado de forma a ser uma ajuda para as pessoas que sofrem de osteoartrite.

Esta doença, bastante frequente em idosos e pessoas obesas, afeta os joelhos e, em estado avançado pode levar a uma cirurgia, depois da qual o paciente terá de fazer fisioterapia, muitas vezes em casa.

O projeto KneeRecovery utiliza um algoritmo que analisa os movimentos do joelho, permitindo perceber os ângulos deste durante a fisioterapia em casa e informar o paciente se está, ou não, a realizar a prescrição da forma correta.

Por fim, o último destaque está, mais uma vez, dirigido para as pessoas idosas. O SmartReminders foi desenvolvido para ser um lembrete para os idosos não se esquecerem de comer, ingerir líquidos e tomar medicamentos.

Estas três ações fazem parte da rotina essencial de vários idosos, algumas vezes neglicenciadas ou esquecidas, o que pode levar a vários problemas de saúde. Este projeto propõe o envio de lembretes para o smartphone a várias fases do dia.

Ainda em desenvolvimento, os investigadores têm como objetivo desenvolver um algoritmo que reconheça, em tempo real, as atividades dos idosos que envolvam ingerir alimentos através de um sensor no pulso. Através deste sistema, o SmartReminders saberá quando um idoso está há demasiado tempo sem ingerir alimentos e/ou água e irá alertá-lo para esse facto.

A Fraunhofer Portugal é uma associação privada sem fins lucrativos, cujo objetivo é a criação e desenvolvimento de conhecimento científico aplicado ao crescimento económico, bem-estar social e melhoria da qualidade de vida. Este ano, desenvolveu a 8ª edição do Fraunhofer Portugal Challenge, que visa recompensar estudantes e investigadores de TIC, multimédia e outras ciências relacionadas que desenvolvam, no seu mestrado ou doutoramento, investigação com utilidade prática.

[Foto: Pixabay]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*