Telecomunicações: Aumentos “ilegais” de preços dão milhões

0
129
Telecomunicações: Aumentos “ilegais” de preços dão milhões

Segundo a Anacom (Autoridade Nacional de Comunicações) e a DECO (Defesa do Consumidor), as subidas de preços das operadoras de telecomunicações foram injustificadas e estas devem agora compensar os seus clientes.

O número do lucro em cima da mesa é de 50 milhões de euros. Este é apenas um número hipotético que tem como base as queixas feitas junto da DECO, as quais abrangeram, apenas, a NOS e a MEO.

Cerca de 87 por cento da população portuguesa tem um serviço de telecomunicações, os mais populares incluem o telemóvel e os dados móveis, sendo que estes têm um preço de cerca de 55 euros. Na MEO e na NOS, o valor dos pacotes aumentou entre 3,4 e 7,4 por cento. Nos serviços externos, temos o exemplo do tarifário WTF (da NOS), que sofreu um aumento de 19,5 por cento do seu valor.

Nos últimos sete a nove meses, os clientes terão pago entre 14 e 32 euros a mais do que o devido. Apesar de parecer um número baixo, podemos ver que, se multiplicarmos 14 euros (o menor valor previsto) pelos 3,5 milhões de utilizadores deste tipo de serviços, ficamos com um lucro de 49 milhões de euros.

A Anacom não pode obrigar os serviços a reembolsar os seus clientes mas estipulou que estes têm de reverter os contratos para os valores antigos ou deixar que o cliente rescinda o contrato, sem colocar qualquer entrave mesmo em caso de fidelização.

[Fonte: Diário de Notícias]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*