Baterias de telemóveis vão passar a durar… o dobro!

0
334
Carregar baterias com a energia do corpo?

Ao que parece, um grupo de cientistas descobriu uma forma de duplicar a capacidade energética das baterias de lítio.

Quantas vezes já deste por ti a desejar que a bateria do teu smartphone não se esgotasse tão rapidamente? Esse é um sentimento comum à esmagadora maioria dos utilizadores de gadgets alimentados por baterias, e por isso os peritos têm, ao longo dos anos, tentado encontrar soluções para aumentar a sua autonomia.

Desta vez, a notícia parece ser realmente animadora. Um grupo de cientistas, antigos membros do Massachusetts Institute of Technology (MIT), e criadores da empresa SolidEnergy Systems, terão descoberto uma forma de duplicar a capacidade energética das baterias de lítio – as mais comummente usadas para alimentar os nossos gadgets.
Estes cientistas defendem que estas baterias são mais seguras e têm o mesmo tempo de vida que as baterias tradicionais, mas conseguem reter o dobro da energia.

No que diferem estas novas baterias? Segundo a explicação dada, empregam uma fina folha de metal de lítio com uma alta capacidade de retenção energética, em vez dos materiais mais convencionais, como a grafite. Apesar disso, as novas baterias podem ser fabricadas com os mesmos equipamentos utilizados para fabricar as atuais.

O CEO da empresa em causa diz mesmo que, com esta nova tecnologia, é possível fazer baterias com metade do tamanho, mantendo a mesma capacidade energética ou, visto por outro prisma, fazer baterias do mesmo tamanho com o dobro da energia.

Ao que parece, estas baterias vão mesmo chegar ao mercado, primeiro nos drones, ainda este ano, aos smartphones e dispositivos wearable em 2017, e aos carros elétricos um ano mais tarde.

[Fonte: Sapo Tek]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*