41º edição do Festival Internacional de Música de Espinho

0
917

Se estás em Espinho entre 27 de junho e 24 de julho, prepara-te para o Festival Internacional de Música de Espinho (FIME). Este festival irá contar com 13 concertos de obras eruditas e jazz, em palcos convencionais, praças da cidade e até uma capela.

O certame conta com a organização da Academia de Música de Espinho, cujo auditório constituí o principal palco do evento, este festival também irá ter o seu respetivo alargamento a outros cenários que teve início em 2014 alguns concertos de piano na secção de legumes do mercado semanal da cidade, como em outros sítios bastante caraterísticos, como a Praça Dr. José Salvador.

A linha geral da programação continua a apostar em grandes artistas nacionais e estrangeiros, em espetáculos pagos ou gratuitos, sendo a oferta bastante diversa e “equilibrada” para todas as carteiras.

O FIME arranca no dia 27 de junho, no auditório da Academia, com o violinista Valeriy Sokolov e o pianista Evgeny Izotov. Segue-se, a 29, o espetáculo de DUEL, que, no violoncelo e piano, combina Beatles e Igor Stravinsky, Ennio Morricone e Vladimir Cosma, Bee Gees e Erik Satie.

No dia 4 de julho podes esperar um espetáculo gratuito no Parque João de Deus, com a orquestra de Jazz da Escola Profissional de Música de Espinho sob direção de Daniel Dias e Paulo Perfeito.

Já a 7 de julho Jordi Savall apresenta em trio um “diálogo entre as músicas instrumentais da antiga Espanha, Itália medieval, Marrocos, Israel, Pérsia, Afeganistão, Arménia e antigo império Otomano”, e a 8 a Orquestra Clássica de Espinho exibe-se com o clarinetista Dlorent Héau e o pianista Patrick Zygmanowski.

No dia 11 de julho terás música renascentista com Hopkinson Smith num concerto gratuito na Capela de Nossa Senhora da Ajuda, e o Festival Júnior regressa no dia seguinte com o concerto narrado “Cha Cha Pum”.

A 13 de julho há o concerto do violoncelista Jean Guihen Queyras com o pianista Frédérique Lagarde, a 14 atua a banda de Mike Stern e Didier Lockwoodm, a 17 o Quarteto Alfama com o pianista Guillaume Coppola, e a 18 de julho o piano é dirigido por Angela Hewitt.

Este festival tem o seu final no dia 24 de julho na Praça José Salvador, num concerto de entrada livre a cargo da Orquestra Clássica de Espinho.

Foto: [ SydPix @ Flickr]

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here