O mundo visto do céu

0
947

Uma viagem à volta do mundo. Um helicóptero sem portas. Uma máquina fotográfica. Foi tudo o que precisou Gray Malin para criar a espantosa série de fotografias “À la Plage, À la Piscine”. Dos EUA ao Brasil e do Brasil à Austrália, o norte-americano foi-se inspirando com a vista aérea repleta de cores, corpos e formas.

É como imaginar a Terra numa tela em branco, que se vai preenchendo com as repetições de cores, pessoas, formas e objetos, com a vivacidade e a beleza dos elementos e com uma brisa veranil impossível de não gostar.

Gray Malin estava na varanda de um hotel em Las Vegas quando se deixou impressionar pela perspetiva que conseguia de cima. Tentado a mostrá-la ao mundo, percorreu-o com um único objetivo: fotografar essa mesma perspetiva.

Em cada local de paragem, Malin alugava um helicóptero, com o requisito obrigatório de lhe ser removida a porta. Em poucos segundos, o norte-americano elevava-se no aparelho e fotografava o que lhe era permitido pela lei da gravidade. O resultado chama-se “À la Plage, À la Piscine”. Ou a forma de este homem fazer (e mostrar) a vida como arte.

Brasil Malin
É com isto que se parece uma praia no Rio de Janeiro vista do céu.
São Francisco
Em São Francisco, as rochas marcam a paisagem.
Costa da Caparica
E esta vem diretamente da… Costa da Caparica.
Gray praia
Tal como o próprio Gray Malin, o trabalho está a percorrer os quatro cantos do planeta.

[Fotos: Gray Malin]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*