Portugal universitário representado na Dinamarca

0
529

Pela primeira vez, a Dinamarca faz do seu concurso nacional de empreendedorismo uma competição internacional, com 25 projetos a lutar por um prémio final de 50 mil dólares. Um deles vai representar Portugal, chama-se UniPlaces, seguindo à boleia da ADDICT – Agência para o Desenvolvimento das Indústrias Criativas. A “Creative Business Cup” decorre de 12 a 14 de novembro.

A UniPlaces é um projeto de alojamento universitário e ganhou o Prémio Nacional Indústrias Criativas Super Bock/Serralves, o que serviu de passaporte para a competição que premeia as melhores ideias de negócio a nível mundial, prestes a chegar à Dinamarca.

A UniPlaces apresenta-se como uma plataforma online com o objetivo de suprir falhas no acesso a alojamento por parte de estudantes universitários, servindo de intermediário entre estes e os senhorios. A página foi lançada em novembro de 2011 e opta pela simplicidade, facilitando a comunicação entre as partes. Desde essa altura, a UniPlaces conseguiu 24 parcerias com universidades portuguesas.

Primeira representante de Portugal na “Creative Business Cup”, depois de vencer o concurso nacional, a UniPlaces não é, no entanto, exclusivamente portuguesa – a equipa é composta por um inglês, Bem Grech, dois espanhóis, Leo Lara e Mariano Kostelec, e pelo português Miguel Amaro.

Estão agora em jogo 50 mil dólares (o prémio final), para além do acesso a um programa de apoio específico e adaptado ao projeto vencedor, que terá direito a um ‘empurrão’ na fase inicial de desenvolvimento da ideia de negócio. O segundo e terceiro classificados também não vão para casa sem nada – 30 e 15 mil dólares, respetivamente, não são valores de que se possam queixar.

[Foto: diariodigital.sapo.pt]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*