Eu, português, me confesso

0
437

Quantos povos se podem gabar de ter um rei que morreu de melancolia e uma rainha que só o foi depois de morrer? Poucos. E quantos estrangeiros julgam que as mulheres portuguesas têm todas bigode, se vestem de preto e passam a vida a chorar na praia? Muitos. Para repor toda a verdade, José Carretas estreia “O olhar português”, em Guimarães 2012.

Nos próximos dias 12 e 13 de outubro (sexta-feira e sábado), a peça “O Olhar Português”, de José Carretas, estreia na Caixa Negra da Fábrica ASA, às 22h. Trata-se dum espetáculo que pretende demonstrar definitivamente que o português é trabalhador, honesto, pacífico, obediente, orgulhoso, pobrezinho e peneirento. E que, por isso é que é tão nostálgico.

A peça que é agora apresentada em Guimarães 2012 Capital Europeia da Cultura tem como base o texto de José Carretas, encenado pelo mesmo, e é uma coprodução da Panmixia e Guimarães 2012, com música original e espaço sonoro de Blandino. A interpretação é assegurada por Ana Margarida Carvalho, Edi Gaspar, Élio Ferreira, Mário Santos, Ricardo Leite e Sara Paz. Os bilhetes podem ser adquiridos nos locais dos eventos, em bilheteiraonline.pt, nos espaços informativos Guimarães 2012 e no Centro Cultural Vila Flor.

[Foto: Guimarães 2012 Capital Europeia da Cultura]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*