EVA promove a tentação no empreendedorismo

0
599

A mulher que tentou Adão com o fruto proibido chamava-se Eva, conta a Bíblia. Mas foi para tentar todas as mulheres a criarem o seu próprio negócio que nasceu a EVA – Empreendedorismo Feminino de Valor Acrescentado. A plataforma foi lançada pela TecMinho, no âmbito do QREN, e já apoiou a criação de seis empresas.

O portal com o mesmo nome visa partilhar experiências sobre a criação de empresas geridas por mulheres e lançar redes e parcerias para o desenvolvimento e sustentabilidade de negócios: “Este último passo consiste em criar uma rede interempresarial para facilitar a troca e disponibilização de informação entre as empresas, nomeadamente sobre oportunidades de formação, de intervenção em novos mercados, de financiamento da atividade e possibilidade de negócios conjuntos entre os elementos da rede”, explica Paulo Silva, da TecMinho.

O site contém informação sobre as seis empresas criadas e constitui-se como um elemento importante de potenciação de sinergias, inclusivamente com outras empreendedoras com maior afirmação no mercado. A longo prazo, pretende-se que o portal funcione como um ecossistema de empreendedorismo feminino, potenciador do desenvolvimento de conhecimento associado à criação e gestão de empresas por mulheres. De acrescentar que o site se alia a quatro ferramentas de comunicação: facebookYoutubeTwitter e blogue “Negócios de Saias”.

[Foto: Universidade do Minho]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*