Impalas e elefantes num disco de outros tempos

0
822

Innerspeaker em 2010, Lonerism em 2012. Foi este o hiato de tempo que tivemos de esperar para ouvir trabalho novo dos australianos Tame Impala. Elephant, o primeiro single oficial, e Apocalypse Dreams já rolavam nas interwebs, e o mesmo acontece agora ao resto do álbum, aqui. Para ouvir gratuitamente e com qualidade.

A história terá começado em 1999, na cidade portuária de Perth, na Austrália. Na altura, Kevin Parker e Dominic Simper eram ainda adolescentes, mas havia uma veia criativa que já lhes fazia correr o sangue. Foram-se alimentando dela até 2007, altura em que Jay Watson se lhes juntou.

Chegados a estúdio, os três começaram a deambular por diferentes sonoridades, influenciando-se mutuamente. Com Parker na voz, acompanhado pela guitarra, Simper numa outra, Watson na bateria e nos back vocals e Nick Allbrook a fechar o quarteto com um baixo rockeiro e psicadélico, os Tame Impala acabaram por convencer a editora Modular Recordings, que viu neles uma lufada de ar fresco e um indie rock de raízes bem diferentes das habituais.

Em 2008 chegava o primeiro EP, homónimo, e em 2010 o primeiro registo de originais. Innerspeaker deixou rendidos os mais diversos públicos e artistas (os The Black Keys e os MGMT, por exemplo, agarraram os Impala para abrir os respetivos espetáculos), deixando largamente para trás as fronteiras australianas. A espera por álbum novo foi mais longa do que esperariam os admiradores mas, também por isso, Lonerism não defrauda ninguém.

Podes encomendar a edição física na loja da editora.

Alinhamento de Lonerism
1 – Be Above It
2 – Endors Toi
3 – Apocalypse Dreams
4 – Mind Mischief
5 – Music To Walk Home By
6 – Why Won’t They Talk to Me?
7 – Feels Like We Only Go Backwards
8 – Keep On Lying
9 – Elephant
10 – She Just Won’t Believe Me
11 – Nothing That Has Happened So Far Has Been Anything We Could Control
12 – Sun’s Coming Up (Lambingtons)

[Foto: Last.fm]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*