E a mais bela biblioteca do mundo é… A Biblioteca Joanina!

0
1439
Biblioteca Joanina | ©Universidade de Coimbra

Não foi preciso recorrer a um espelho mágico, estilo Branca de Neve e os sete anões, antes aos resultados do ranking elaborado pelo portal Flavorwire e pelo guia internacional Flavorpill, de Nova Iorque, publicado pela editora literária Emily Temple. As conclusões? A Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra foi considerada a mais bela biblioteca universitária do mundo, de entre as 25 mais belas bibliotecas universitárias do mundo (Oxford, Cambridge, Chicago, Washington, Boston, Roma, entre outras)! A distinção coloca a biblioteca portuguesa de estilo barroco acima de outras instituições conceituadas como a da Universidade de Yale (EUA) e a da Universidade de Salamanca (Espanha), que ficaram em segundo e terceiro lugares na classificação, respetivamente. 

Além de bela no seu exterior, a Biblioteca Joanina abriga no seu interior uma coleção de livros raros e antigos e é um exemplo da riqueza financeira e intelectual do império português no século XVIII, altura em que foi construída. O edifício tem três andares e alberga cerca de 200.000 volumes, havendo no piso nobre cerca de 40.000 volumes, sabias?

Obrigada, D. João V

A Casa da Livraria, nome por que era conhecida a Biblioteca Joanina, recebeu os primeiros livros depois de 1750, sendo a construção do edifício datável entre os anos de 1717 e 1728. A Biblioteca Joanina deve o seu nome ao Rei D. João V, monarca da época da sua construção. Situada no pátio da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, esta biblioteca acolhe inúmeras pesquisas, além de servir de espaço para concertos, exposições e outros eventos culturais.

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*