Pelos nem vê-los!

0
1527

Para amenizar a sensação de possuir uma coisa chamada pilosidade, são várias as metodologias depilatórias. Numas vais chorar, noutras gritar e noutras ver os pelos crescerem a todo vigor já no dia seguinte (o que também vai acabar por te fazer soltar algumas lágrimas).

Pernas com toque de barba de três dias por fazer, sovacos com pelos encravados ou virilhas felpudas em dia de praia são alguns dos pesadelos por que nenhuma mulher ambiciona passar nos dias de hoje. Qual a melhor forma de não pareceres um Neandertal? Isso decides tu.

Cera
Cuidado com as queimaduras!
Sabias que Cleópatra já tirava os pelos com faixas de tecidos finos banhados em cera quente? É verdade. Uma das maiores vantagens da cera (seja ela fria ou quente) é que pode ser usada em qualquer parte do corpo: das sobrancelhas às virilhas, nunca esquecendo o problemático buço, basta aplicar, esperar um pouco, retirar tudo num movimento muito rápido… E txaran! Os pelos não voltam a aparecer durante quase um mês e, quando voltam, vão ficando mais finos e mais raros.
O que poderá não ser muito agradável é a dor que algumas mulheres sentem ao ser retirada a cera: se tens muita sensibilidade na pele, experimenta primeiro numa pequena área… E cuidado com as temperaturas excessivas para não te queimares e chorares baba e ranho depois. Lembra-te ainda que existem ceras no mercado que atenuam o sofrimento – podes experimentar se funcionam ou entregar-te nas mãos duma profissional da estética.

Laser
Para voltar a ter pele de bebé
É o método que torna o sonho de não voltar a ter pelos nunca mais realidade! Praticado por profissionais qualificados e com supervisão médica, o laser emite choques de luz que atingem a melanina e coagulam o bulbo capilar, dificultando o nascimento dos pelos. É também o único método que te compensa financeiramente a longo prazo – sim, porque vais ter de abrir os cordões à bolsa para qualquer um dos métodos laser existente no mercado (Soprano, Light Sheer, Luz Pulsada, Epilight… ).
Atenção, porém, porque aqui as morenas e branquinhas são quem mais beneficia, já que quanto mais escuros forem os pelos e mais clara for a pele, melhor funciona a depilação a laser (e menos sessões terás de fazer, sendo que a média varia entre as 8/10). Mesmo com retoques de quando em vez, uma coisa é certa… Nunca mais vais ter o matagal que cresceu contigo na adolescência. Essa sensação vai fazer-te esquecer o dinheiro gasto.

Linha
Paciência de Job vai ser pouco
Se és daquelas que acha uma seca ficar à espera que o verniz seque, odeia jogar Mikado e nunca aquece a comida até ao fim no Microondas, esquece, este método não é para ti! Como requer uma delicadeza e uma precisão extremas para puxar e arrancar vários pelos em simultâneo, a técnica da linha é aconselhada para pequenas áreas do rosto, tais como buço e sobrancelhas.
O lado bom é que dói menos do que a pinça e, como acontece com os outros métodos depilatórios não definitos, se acontecer uma falha nas sobrancelhas, não te preocupes, porque ela vai ser preenchida naturalmente e em breve.
Nascida no Sul Asiático e no Médio Oriente há milhares de anos, este método é aconselhável a pessoas que possuam uma pele mais sensível, pois não corta, não queima, não provoca reacções alérgicas e não cria borbulhas nem irritações após a depilação.

Pinça
Um pelo de cada vez…
Como a pinça é um utensílio barato que pode ser transportado em qualquer lugar, isso vai permitir-te tirar pelos enquanto andas de transportes, esperas pelo namorado ou vais ao WC do Centro do Comercial, sem gastares muito dinheiro. Outra vantagem é poderes arrancar o pelo desde a raiz (até os que ainda estão curtinhos) – o que vai retardar o seu reaparecimento até um mês.
Desvantagens? Só vais poder tirar um pelo de cada vez… O que significa que as sobrancelhas e o buço são as zonas mais indicadas para fazer este tipo de depilação.

Cremes depilatórios
Colocar, esperar e andar!
Se tens uma pele sensível, queres gastar pouco dinheiro e não tens paciência chorar ao ritmo de ceras e máquinas – até porque estás com pressa e vais ter de arranjar num abrir e fechar de olhos para sair com os teus amigos, os cremes depilatórios são a melhor opção. A má notícia é que vais ficar com alguns pelos encravados e os outros odiosos pelos que não ficarem encravados vão começar a nascer logo no dia seguinte, já que neste método depilatório os pelos não são removidos desde a raiz.
Atenta ainda às instruções do produto. Para evitares reações alérgicas, testa o creme atrás da orelha ou no antebraço antes de o usares numa grande superfície.

Lâmina
Cortes e pelos mais grossos?
Dá sempre jeito poder desenrascar uma depilação de última hora com recurso a alguns cêntimos no supermercado ou roubar as famosas ‘giletes’ ao pai, ao irmão ou ao namorado, verdade? Mas sabias que este método depilatório é o mais agressivo com a tua pele? Além de ressecar e raspar a zona depilada, uma e outra vez, ela fica vermelha, inflamada e pode sofrer cortes. De notar ainda que a duração é mínima, pois os pelos voltam a espreitar no dia seguinte.
Portanto, se optares por rapar as pernas, as virilhas ou os sovacos, não te esqueças de hidratar a pele. Quanto ao mito urbano que diz que “quanto mais cortas os pelos mais fortes eles crescem”, esquece. Se isso fosse verdade, referem muitos especialistas, os homens em vez de barba tinham troncos de árvore espetados na cara!

Máquina
Duas cabeças depilam melhor que uma
Desde que tenhas uma tomada elétrica (há até máquinas de viagem que funcionam a pilhas), poderás fazer ou retocar a tua depilação. As principais vantagens passam por ser um método económico (o que vais pagar pela máquina depressa será compensado a médio prazo), de fácil utilização e com boa eficácia – ao ser equivalente a um conjunto de pinças que removem os pelos pela raiz, vais ver-te livre de pelos durante quase um mês. Vais também sofrer um bocado, sobretudo nas primeiras vezes, pois arrancar um tufo de pelos em simultâneo não é pera doce… Mas tenta ajustar a velocidade da cabeça da máquina à superfície a ser depilada. O resto é rotina e habituação (podes também morder uma peça de roupa enquanto te depilas para os vizinhos não ouvirem os teus berros).

[Foto: Travis S. @ Flickr]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*