Anticorpos amigos da mulher

0
596

O projeto Engenharia de anticorpos para tratamento de cancro de mama foi o vencedor da 6ª edição do Prémio de Mérito Científico Santander Totta/ Universidade NOVA de Lisboa. A Liga Portuguesa contra o Cancro e todas as mulheres agradecem.

De acordo com a Liga Portuguesa contra o Cancro, o cancro da mama é o segundo tipo de cancro mais comum em mulheres, depois do cancro de pele. Em Portugal, anualmente são detetados cerca de 4500 novos casos de cancro da mama, e 1500 mulheres morrem com esta doença.

Este projeto vencedor, liderado pela investigadora Paula Videira, da Faculdade de Ciências Médicas da NOVAassenta num processo que prevê identificar as células malignas do cancro da mama e manipular o sistema imunitário, para que este elimine essas células. Os investigadores verificaram que estas células têm glicanos, um tipo de açúcares muito diferente dos encontrados nas células normais, e que suprimem a atividade das células do nosso sistema imunitário, provocando a progressão de tumores.

Segundo a equipa de premiados, que inclui ainda os investigadores Carlos Novo, do Instituto de Higiene e Medicina Tropical; José Ramalho, da Faculdade de Ciências Médicas; e de Angelina Sá Palma e Ana Luísa Carvalho, da Faculdade de Ciências e Tecnologia; a solução passa pela engenharia de anticorpos, que são moléculas importantes da resposta imunitária do nosso organismo, capazes de reconhecer células e moléculas específicas. Através deste processo, os investigadores pretendem desenhar e criar novos anticorpos, direcionando a terapia às células de cancro da mama e, simultaneamente, ativar o sistema imunitário do doente, capacitando-o a destruir as células malignas.

O Prémio de Mérito Científico Santander Totta/ Universidade NOVA, no valor de 25 mil euros, visa distinguir projetos de investigação nas áreas das Ciências da Vida, das Ciências Sociais e Humanas e das Ciências Exatas e Engenharias. A cerimónia de entrega do prémio deste ano aconteceu no passado dia 27 de março, no Auditório da Reitoria da Universidade, no campus de Campolide.

[Foto: Santander Totta]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*