Um negócio da China

0
722
Comendadora Rita Botelho dos Santos e Professor José Ferreira Machado

A Nova School of Business and Economics (Nova SBE) tem agora um conjunto de programas académicos centrados na aprendizagem da Língua Portuguesa como língua de negócios.

Nesse sentido, a Escola da Universidade Nova de Lisboa (UNL) ( estreitou uma parceria com o Fórum Macau com vista à cooperação entre a instituição e a República Popular da China. O acordo vem responder ao crescente interesse da população chinesa em aprender o português e em desenvolver uma carreira profissional nos mercados de língua portuguesa.

Esta parceria insere-se no Portuguese & Business, um conjunto de programas académicos em parceria com a Shanghai International Studies University e a Beijing Foreign Studies University, instituições que representam um mercado potencial de 200 alunos.

José Ferreira Machado, Director da Nova SBE, afirma que, com estes programas, a escola de negócios da UNL oferece “a qualidade de uma escola internacional com créditos reconhecidos mundialmente”, assim como  “uma vivência cosmopolita numa Escola que recebe pessoas de todo o mundo”.

A Nova SBE, considerada pelo Financial Times a melhor escola de negócios em Portugal e uma das 30 melhores da Europa, contempla agora, por exemplo, a possibilidade de graduação dupla em Português e Negócios que prevê que os alunos façam dois anos na faculdade de origem (estudante de português) e outros dois em Lisboa (estudante de Administração de Negócios).

[Foto: UNL]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*