500 anos de boas leituras

0
760

É considerada “a mais rica biblioteca universitária” do mundo lusófono e assinala 500 anos. Parabéns à  Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra (BGUC), que conta com um programa de atividades comemorativo da data.

Para os que ainda não a conhecem, a Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra reparte-se atualmente por dois edifícios: “a Biblioteca Joanina, acabada de construir em 1728, e o edifício principal, que entrou em funcionamento pleno no ano de 1962″, explica o diretor da BGUC, José Augusto Cardoso Bernardes, no site oficial da instituição.

Recorde-se ainda que, erguida por iniciativa de D. João V, a Biblioteca Joanina é um monumento nacional cuja riqueza arquitetónica e decorativa beneficiou do ouro do Brasil que chegava a Portugal no século XVII.

A BGU “tem à sua guarda um vasto acervo, composto por documentos de vário tipo, como manuscritos, mapas, publicações periódicas e livros, alguns dos quais de valor inestimável, num cômputo geral que se aproxima rapidamente dos dois milhões”, acrescenta José Augusto Bernardes.

“Apesar de não se conhecer nenhum documento oficial atestando a fundação da biblioteca, a existência da Casa da Livraria é expressamente referida numa ata de 12 de fevereiro de 1513”, refere uma nota da assessoria da Universidade de Coimbra (UC).

Como 500 anos não se cumprem todos os dias, a BGUC conta com um vasto programa comemorativo, que arranca este mês de fevereiro e se prolonga por um ano.

[Foto: Sala de Leitura dos Manuscritos @ uc.pt/bguc]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*