‘Um café e um conto, por favor!’

0
827

15 escritores lusófonos de reconhecido mérito foram convidados pela SICAL para dar ‘voz’ aos pacotes de açúcar da marca. A nova coleção vai fazer com que beber uma bica passe a ser uma ocasião ainda mais especial, num convívio literário com Valter Hugo Mãe, José Luís Peixoto, Lídia Jorge ou Fernando Alvim.

Um dos objetivos da coleção lançada pela Sical é, precisamente, divulgar a escrita em língua portuguesa, através das palavras de autores tão consagrados quanto Valter Hugo Mãe (autor de, por exemplo, “O filho de mil homens”), José Eduardo Agualusa (“A Teoria Geral do Esquecimento”), José Luís Peixoto (“Dentro do Segredo”) ou Lídia Jorge (“A Noite das Mulheres Cantoras”), passando pelo humorista Fernando Alvim (“Não atires pedras a estranhos porque pode ser o teu pai”), ou por novos talentos da escrita lusófona, como João Ricardo Pedro (“O teu Rosto Será o Último”).

Tânia Ganho (“A Mulher Casa”), Luísa Costa Gomes (“Ilusão ou o que lhe quiserem chamar”), Paulo Ferreira (“Onde a Vida se Perde”), Maria do Rosário Pedreira (“Poesia Reunida”), Cristina Carvalho (“Lusco-Fusco”), Dulce Maria Cardoso (“O Retorno”), Rui Cardoso Martins (“Deixem Passar o Homem Invisível”), Helena Vasconcelos (“Humilhação e Glória”) e Pedro Almeida Viera (“Corja Maldita”) completam o lote de convidados.

O desafio consistiu em escrever uma mini-história, capaz de preencher um pacote de açúcar, num total de 15 contos, de outros tantos autores. É possível que te tenhas cruzado com alguns deles, visto que a coleção já está no mercado.

Nos cafés e restaurantes, em pausas de estudo ou de trabalho, o café ganha um sabor especial, mas quem não é fã do estimulante de grãos torrados não fica de fora: é prestar atenção ao site e ao Facebook da marca, onde os mini-contos estão integralmente publicados.

[Foto: facebook.com/sicalcafes]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*