O rei que partiu demasiado cedo

0
943

D. Manuel II, trigésimo quinto rei de Portugal, faleceu em 1932 com apenas 42 anos. Mas, para além de datas e dados biográficos, o que sabes sobre o último rei de Portugal? Como passou o monarca os anos em que esteve exilado em Inglaterra? Por que motivo os monárquicos o recordam com saudade? Para conhecer, com Ricardo Mateos Saínz De Medrano e o seu “D. Manuel II. O Último Rei de Portugal. A Vida No Exílio”, dias 29 e 30 de novembro, em Lisboa.

Conhecido historiador espanhol, Ricardo Mateos Saínz De Medrano é o autor da obra “D. Manuel II. O Último Rei de Portugal. A Vida No Exílio”, que vai ser apresentada pelo próprio em Lisboa no final deste mês (em local ainda a confirmar).

D. Manuel II foi o último rei da monarquia portuguesa e assistiu a partir de Inglaterra, numa localidade próxima de Londres, às tentativas de restauração do regime monárquico, que se seguiram à sua queda no dia 5 de outubro de 1910.

Talvez devido a uma intensa atividade política, D. Manuel II não tenha ainda recebido grande destaque dos historiadores pelo lado mais íntimo e pessoal, de alguém que começou por ter uma juventude atribulada – a chegada ao trono foi precipitada pelo assassinato do pai, o rei D. Carlos I, e do irmão mais velho, Príncipe Real D. Luís Filipe.

As dificuldades não diminuíram anos mais tarde, quando o D. Manuel II se vê obrigado a abandonar o país que tanto amava (por essa razão ganhou o cognome ‘O Patriota’). A morte chegou inesperada e prematuramente em 1932.

É para falar sobre tudo isto e um pouco mais, e para dar a conhecer o livro, que Ricardo Mateos Saínz De Medrano estará em Portugal. O também coautor da obra “Felipe & Letízia, el compromisso real” dedica-se há vários anos ao estudo da história e da genealogia das famílias reais europeias. Em “D. Manuel II. O Último Rei de Portugal. A Vida No Exílio” apresenta-nos, sem dúvida, uma faceta mais desconhecida do monarca, que inclui pormenores reveladores da dimensão humana do último rei de Portugal.

O livro estará à venda pouco antes da chegada do autor a Portugal, a partir do dia 19 de novembro.

Edição: 2012
Páginas: 276 + 32 extratextos
Editor: Esfera dos Livros
PVP: 21 euros

[Foto: Esfera dos Livros]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*