Conhece a nova Carrie

0
556

“Experimentámos sangue ralo, experimentámos sangue espesso”, diz Kimberly Peirce, a realizadora de “Carrie”, sobre a sua versão da icónica cena do baile. “11 litros, 19 litros. Há muito sangue…”, como podes ver pela primeira imagem de Chloë Moretz. A abordagem de Peirce à história, tendo no seu cerne dramático uma muito humana e atual história de bullying, promete ser mais emotiva que a de De Palma.

Mas caso a versão de Peirce do conto de uma rapariga e da sua mãe louca pareça demasiado familiar, há algumas inovações especialmente introduzidas para a geração Twitter: “Creio que um dos aspetos-chaves é estarmos a usar muitos meios sociais aqui. É uma parte incontornável da vida dos adolescentes e do liceu, bem como do bullying”, afirma Peirce.

SOBRE O AUTOR DO TEXTO

A Empire é a revista de cinema mais vendida no mundo. Todas as novidades do cinema, entrevistas exclusivas, acesso privilegiado aos estúdios e grandes especiais são apenas alguns dos ingredientes que todos os meses vais poder encontrar nas bancas e em www.empire.com.pt.

[Foto: Revista Empire]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*