Hacker à solta na Universidade do Minho

0
862

Richard Stallman, um dos maiores hackers mundiais, vai na terça-feira, dia 28, à Universidade do Minho dar uma palestra. O criador da Free Software Foundation e do sistema operativo GNU vai falar do tema “Copyright vs Community” e nos projetos-lei que põem em risco a liberdade dos cidadãos, como o SOPA (Lei de Combate à Pirataria Online), ACTA (Acordo de Comércio Anti-contrafacção) e PIPA (Programa de Atitudes e Procedimentos Internacionais).

A organização cabe ao Centro de Estudantes de Engenharia Informática da Universidade do Minho (CeSIUM), com apoio do Departamento de Informática. Richard Stallman considera que as grandes corporações que lucram com os direitos de autor estão a exercer “lobbying” para serem implementadas leis mais duras, enquanto aumentam o seu poder e limitam o acesso do público à tecnologia, o que exige uma mobilização urgente dos cidadãos. “Há uma grande polémica internacional à volta das propostas legislativas e esta palestra revela-se especialmente apropriada. Stallman tem uma reputação mundial e as suas palestras não são técnicas, mas ligadas a aspetos como a ética e os direitos de autor, por isso esperamos mobilizar centenas de participantes da academia e da comunidade em geral”, refere a organização.

Richard Stallman, nova-iorquino de 58 anos, é uma personalidade na área da computação que lançou o movimento de software livre em 1983 e, no ano seguinte, criou o sistema operativo GNU, no qual qualquer pessoa pode copiar e redistribuir o software com ou sem mudanças. O sistema operativo GNU/Linux tem milhões de utilizadores nos dias de hoje. Stallman formou-se na Universidade de Harvard, foi investigador do MIT e recebeu diversos prémios, como o ACM Grace Hopper Award, o MacArthur Foundation fellowship, o Electronic Frontier Foundation’s Pioneer Award e o Taked Award for Social/Economic Betterment, além de vários doutoramentos “honoris causa”.

A iniciativa decorre pelas 14h00 no Auditório A1 do campus de Gualtar, em Braga.

[Fonte e foto: Universidade do Minho]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*