Estudo precisa de voluntários para… Ver filmes porno

0
1937

Acredita se quiseres…. Mas é verdade. O único laboratório português de investigação experimental em sexualidade humana, o SexLab,  da Universidade de Aveiro, procura voluntários para desenvolver um estudo sobre a saúde sexual. A função? Visionar filmes de sexo explícito. E ainda receber dinheiro por isso.

O estudo “A saúde sexual da mulher e do homem: contributos para um modelo de compreensão biopsicossocial” precisa de 100 pessoas voluntárias (50 homens e 50 mulheres), entre os 18 e os 50 anos, que padeçam ou não de disfunções sexuais, para visionarem filmes pornográficos, de forma a averiguar algumas das causas psicológicas da disfunção erétil. Durante o visionamento dos filmes de bolinha vermelha, um conjunto de equipamentos vai permitir avaliar diferentes aspetos psicofisiológicos associados à resposta sexual nos homens e nas mulheres. Um conjunto de software vai ainda permitir produzir estímulos diversificados e fazer a leitura de todas as medidas fisiológicas

Financiada pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), a investigação garante o anonimato a todos os participantes, bem como uma recompensa monetária de 30 euros.

O SexLab  resulta de uma parceria entre o PsyLab da Universidade de Aveiro e o Grupo de Investigação em sexologia do Centro de Investigação do Núcleo de Estudos e Intervenção Cognitivo-Comportamental da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra/Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. Pioneiro em Portugal e um dos poucos a nível mundial, o SexLab procura aprofundar conhecimentos e ampliar as possibilidades de intervenção ao nível da saúde e bem-estar sexual, bem como de problemáticas associadas às disfunções sexuais, comportamentos de risco, compulsividade e agressão sexual.

Para participares e obteres mais informações sobre o estudo, envia email para estudo.sexlab.ua@gmail.com  ou acede à página online do SexLab

[Foto: mshcdn.com]

Partilhar

Comente este artigo

Please enter your comment!
Please enter your name here

*